Acerte na busca de emprego

Sem categoria

Apesar do alto volume de conteúdo relacionado a mercado de trabalho, o que inclui não só tendências para o futuro, mas também áreas que ofertarão mais oportunidades, regiões com maior número de vagas e setores mais aquecidos, é grande o número de pessoas que não sabem que caminho seguir com relação a busca de emprego.

O problema fica maior ainda quando se trata de elaboração de currículo, pois quando a pessoa não sabe exatamente o que busca para sua vida profissional, acaba elaborando um documento incompleto, confuso ou até poluído demais em termos de informações. Currículos incompletos e mal elaborados normalmente são descartados, na maioria das vezes muito antes de serem avaliados, por uma simples razão – não transmite clareza de objetivos, e com isso é descartado, pois os recrutadores tem um grande volume de currículos para avaliar, e perder tempo com documento mal elaborado não faz parte das rotinas desses profissionais.

Pela experiência que tenho conduzindo processos seletivos, observamos que entre 100% dos currículos recebidos para determinada vaga, o percentual de documentos mal elaborados fica acima de 75%, o que inclui:

  • Informações incompletas sobre experiências e atividades realizadas nas empresas anteriores;
  • Desorganização quanto a mês e ano de início e fim dos contratos nas empresas que trabalhou, gerando assim confusão para quem lê;
  • Objetivos confusos e extensos demais, não transmitindo o real interesse profissional da pessoa.

Isso sem falar do equívoco que a maioria das pessoas cometem ao se candidatar a oportunidades as quais a pessoa não tem sequer os pré-requisitos solicitados. Essa atitude, além de não levar a pessoa até uma possível entrevista, passa a imagem de imaturidade profissional, algo que só prejudica a pessoa que está em busca de recolocação.

Se você quer acertar na recolocação, sendo contratada na vaga certa para você, e no menor tempo possível, saiba que isso exige dedicação, e precisa ser feito antes mesmo de você sair distribuindo ou enviando currículos.

1º  Saiba exatamente o que você quer, que tipo de vaga busca, qual ramo de atuação você deseja trabalhar;

2º Entenda que contribuir com objetivos da empresa, trabalhar em equipe e ajudar nos resultados definidos não é “Objetivo”, mas sim obrigação, portanto, não coloque isso em seu currículo.

Objetivo é o cargo que você deseja ocupar na empresa, ou no máximo informe a área a qual você gostaria de fazer parte – exemplo: Área Administrativa, Financeira, RH, etc. Nada mais além disso. Se você é jovem em busca do primeiro emprego, e quer aprender na área administrativa, seu objetivo deve ser apenas: Auxiliar Administrativo.

4º Quando o assunto é elaboração de currículo – menos é mais. Portanto seja claro e objetivo em tudo que escrever. Se você tem poucas experiências ou busca o primeiro emprego, uma página é suficiente, nada mais que isso.

5º Se você tem mais experiências, duas páginas no máximo, para isso, basta colocar um “Resumo de Qualificações” algo que evidencia as entregas relevantes na sua carreira, algo em torno de 6 a 20 linhas são suficientes.

6º Informe pelo menos as 3 últimas empresas que passou, destacando mês e ano de entrada e saída de cada uma, e um breve resumo das atividades que desenvolvia em cada uma.

Cursos e demais atividades podem ficar no final do currículo, já referências, apenas se for solicitado na hora da entrevista, aí sim, você precisa ter em mãos contato da pessoa a informar, de preferência àquela que você respondia diretamente, ou seja, superior imediato. Em caso de empresas familiares, normalmente se informa o contato do proprietário, mas lembre-se, para ambos as situações, só informe o contato pessoal, caso tenha autorização para isso, do contrário, informe apenas o telefone da empresa.

Por fim, e não menos importante, envie seu currículo apenas para vagas as quais você possa confirmar que tem as experiências necessárias. Considere ainda se o ramo de atividade da empresa te interessa. Seja seletivo (a) em suas buscas, afinal, se trata de sua vida profissional, onde interesses, valores e propósitos precisam estar alinhados.

Observando atentamente esses pontos você aumentará expressivamente as chances de ser chamada para uma entrevista pessoal, e assim conquistar sua oportunidade de emprego.

Ronaldo Carneiro

Compartilhe:

Postagens Relacionadas

Esse será o seu novo Currículo

Esse será o seu novo Currículo

Esqueça tudo que você pensa sobre currículo. Daqui pada frente, nada mais será como antes, e principalmente quando se

A importância de Planejar o Processo de Buscas

A importância de Planejar o Processo de Buscas

A maioria das pessoas não se dão conta da importância de se planejar o processo de buscas de emprego,

Semana da Recolocação Profissional Assertiva

Semana da Recolocação Profissional Assertiva

Entre os dias 15 e 17 de fevereiro de 2021, em parceria com a ACES – Associação Comercial e

Far far away, behind the word mountains, far from the countries Vokalia and Consonantia, there live the blind texts.

Newsletter

Desenvolvido por Breweb

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.

Open chat